Veganos – Outras boas fontes de proteínas que não seja de origem animal
23/06/2017 Comentarios 2 304 Visualizacoes

Veganos – Outras boas fontes de proteínas que não seja de origem animal

Veganos e vegetarianos sempre são indagados sobre o consumo de proteínas, ouvindo frases como: “Você precisa comer carne, tem proteínas…”, “Como você faz para consumir proteínas?”, “Vai ficar anêmico, não come carne, são ricas em proteínas..” e por aí vai, inclusive deixe nos comentários quais são as outras frases em relação a esse assunto nos comentários. Mas o que eles sabem e provavelmente estão cansados de responderem, é que existem diversas outras fontes vegetais de proteínas, tão boas quanto as de origem animal.

Por isso no texto de hoje estaremos falando um pouco mais sobre este assunto e também apresentando alguns dos alimentos mais ricos em proteínas e nutrientes, tão bons quanto a carne.

Não comer carne também gera a carência de outras vitaminas

É claro que não é somente as proteínas que as carnes fornecem para o organismo, mas também nutrientes como ferro, ômega 3, vitamina B12 entre outros, que deve ser ingeridos para o bom funcionamento do corpo humano. Além da fonte de proteínas, é preciso encontrar vegetais que forneçam o que é preciso para ter uma boa saúde.

Qual é a recomendação diária de ingestão de proteínas?

Não importa se de origem animal ou vegetal, segundo a Anvisa, o consumo diário de proteínas deve ser de 1g para cada quilo do corpo, em pessoas sem o perfil de atleta e 2g para cada quilo do corpo, em pessoas praticantes de atividades físicas regulares. A média brasileira gira em torno de 60g a 150g por dia dependendo do perfil.

alimentos vegetais ricos em proteinas

Outras boas fontes de proteínas que não seja de origem animal

Entre as principais fontes vegetais de proteínas estão a:

  • Chia
  • Soja
  • Feijão
  • Ervilha
  • Grão de bico
  • Tofu
  • Quinoa
  • Gergelim
  • Semente de girassol
  • Nozes
  • Cacau em pó

Entre outros, mas os acima são os mais conhecidos e fáceis de encontrar.

Em porções de 100g de cada alimento é possível encontrar as quantidades a seguir:

  • A CHIA conta com 16,54g de proteínas, além de oferecer melhor disposição, resistência e força para o organismo.
  • Já a SOJA é responsável por fornecer 36g de proteínas a cada 100g do alimento. É uma das mais utilizadas por ser barato e encontrado com facilidade no atacado.
  • Existem diversos tipos de FEIJÃO, por isso a quantidade pode variar muito, mas em média ele rende 8g de proteínas, quando cozido. Além disso o feijão é uma excelente fonte de ferro.
  • A ERVILHA conta com 5,42g.
  • O GRÃO DE BICO na forma crua, contem quase 20g de proteínas nesta porção. Já quando cozido, você só irá obter 9g do nutriente. Também rico em magnésio, potássio e outros nutrientes e minerais, você pode consumir o grão de bico na forma de farinha, substituindo o trigo tradicional.
  • O queijo dos veganos e vegetarianos chamado TOFU é também uma excelente fonte de proteínas. Em média ele fornece 18g para cada 100g do alimento. Use-o em sopas, saladas, lasanhas, recheios variados, onde apesar de não derreter ou ter a consistência do queijo, é muito suculento, desde que bem temperado.
  • A QUINOA quando crua conta com 14g de proteínas para cada 100g do alimento. Já em sua versão cozida, o número é reduzido para 4g. Você poderá utilizar a quinoa em saladas, sobre outros alimentos como se fosse uma farinha ou da maneira que achar conveniente.
  • A versão mais usada do GERGELIM, a semente, conta com quase 18g de proteínas para cada 100g. Já a farinha de gergelim oferece incríveis 40g de proteínas, além de muitos nutrientes essenciais para o nosso organismo. Lembre-se disso quando estiver comendo um pão com gergelim.
  • A farinha da SEMENTE DE GIRASSOL oferece nada menos do que 48g de proteínas, mais até que o potente gergelim. Já a semente tradicional conta com 21g de proteínas. A semente pode ser consumida em bolos, saladas, biscoitos, etc, servindo inclusive de substituto para castanhas e sementes oleaginosas.
  • As NOZES oferecem em média 20g de proteínas para cada 100g, um número bem elevado se tratando do mundo vegetal. Mas é válido lembrar que além disso, boa parte delas contam com ômega 3. Só não exagere, pois elas são bem oleosas.
  • Usado muito em receitas fit, o CACAU EM PÓ, desde que sem açúcar, conta com quase 20g de proteínas para cada cem gramas. Utilize o cacau em receitas de bolos, biscoitos, cupcakes e outros, sempre substituindo o chocolate tradicional.

Tem mais alguma dica? Deixe seus comentários.

Anterior Batata doce, frango e Whey
Proximo Qual o melhor treino para emagrecer?

Sobre o autor

Wes
Wes 528 posts

Apenas um apaixonado por receitas, academia, mundo fitness, dietas e escrever :)

Veja todos os artigos deste autor →

Voce pode gostar tambem

Viver sem comer doces e açúcar é possível?

Hoje vamos falar de um assunto muito sério aqui no site, principalmente para aqueles que são realmente viciados em doces e alimentos ricos em açúcar como é o caso dos… Leia mais

LIPO 6 – O que é? Como funciona e quais os efeitos negativos

O LIPO 6 é simplesmente o termogênico mais consumido e conhecido de todo o mundo. Ele possui diversas variações e marcas, mas a sua função é a mesma, queimar calorias,… Leia mais

Batata doce, frango e Whey

Batata doce, frango e whey, em que esses 3 itens lhe faz pensar? Em academia, mundo fitness, receitas proteicas, body building, fit, “Vem Monstro”, Birlllll e no que mais? Hahahaha…. Leia mais

Condimentos e especiarias naturais termogenicos

Quem tem algum conhecimento em termogênese ou realiza a dieta termogênica, poderá aproveitar e muito as informações que estaremos divulgando a seguir em relação a condimentos e especiarias que são… Leia mais

Abuse das frutas, elas são suas maiores aliadas a Dieta

Apesar de muitos citarem que não é bom ingerir muitas frutas durante uma dieta por conta da frutose, o açúcar natural das frutas, nós acabamos discordando totalmente neste assunto. Grande… Leia mais

Os benefícios da manga para a sua saúde e dieta

A manga é o fruto da árvore mangueira, nativa do sul e do sudeste da Ásia com plantações encontradas em seus primórdios desde o leste da Índia até a região… Leia mais

2 Comentario

  1. Jow
    junho 26, 11:01 Responda

    Fui em varios sites na internet para pesquisar sobre isso, li varios sites
    e nenhum se compara a esse aqui, seu Artigo e exelente, muito bem feito e explicativo,
    adorei. obrigado pelas informaçoes.
    Muito interessante mesmo! Continue com o bom trabalho!

Escreva uma resposta