Cinco suplementos essenciais para quem já passou dos 35 anos
05/06/2020 Comentarios 0 185 Visualizacoes

Cinco suplementos essenciais para quem já passou dos 35 anos

O corpo é uma maquina perfeita, mas como toda máquina com o passar dos anos é natural que sofra alguns desgastes, sendo necessário a reposição e ajustes de alguns elementos.

Dores pelo corpo, dificuldade na perda de peso, menor diposição, dificuldade para ganhar massa muscular, ossos mais frágeis, pele mais ressecada e outros são apenas alguns dos “benefícios” da idade.

Mas saiba que existem suplementos e atitudes que podem diminuir os sintomas da idade adulta, principalmente para aqueles que já passaram dos 35 anos.

Por isso hoje vamos falar aqui no Receitas Academia sobre cinco suplementos que irão turbinar a sua vida após os trinta.

Receita de pão de linhaça no micro-ondas!

Suplementos essenciais para quem já passou dos 35 anos

Antes de conhecer qual suplementação você está precisando, tenha em mente que devemos sempre ter uma dieta balanceada com poucas gorduras e ingestão de açúcares, praticar exercícios físicos, dormir ao menos 8 horas por dia e outras atitudes que fazem o nosso corpo ficar no melhor condicionamento de sua idade.

Outra questão é que sempre antes de fazer a ingestão de QUALQUER suplemento, você precisa fazer uma consulta com um médico. A superdosagem de suplementação pode trazer consequências ruins para o corpo em vez de benefícios.

Somente médicos e nutricionistas/nutrólogos, podem prescrever suplementos para o seu organismo.

1. Suplementos de ômega-3

Com o passar dos anos é natural que tenhamos mais inflamações pelo corpo e também ficamos mais propensos ao desenvolvimento de doenças no coração.

O ômega-3 fornece as condições de um ótimo anti-inflamatório natural agindo principalmente na inflamação sistêmica do organismo. Ele ajuda tanto com relação as dores nas costas, perna e outros, quanto em problemas ligados ao sistema cardiovascular.

O brasileiro não tem muito o costume de consumir peixe todos os dias, onde os fatores culturais e também os altos preços, acabam fazendo com que a deficiência de ômega-3 ou 6 seja muito grande na população adulta e idosa.

Se você faz o consumo regular de peixes, principalmente atum, salmão, sardinha ou tilápia, não precisa se preocupar muito com a suplementação. Mas se o contato é raro com este alimento, pode ser necessário incluir este suplemento em sua vida.

2. Suplementos de vitamina D

Vivemos em uma era onde “tomar” sol está cada vez mais raro. O Home Office, rotinas de escritório, muito tempo dentro de um veículo no trânsito e cada vez mais a permanência dentro de casa, contribui para que a deficiência de vitamina D nos seres humanos seja cada vez maior.

A vitamina D é essencial para a absorção de cálcio pelo organismo. Com o passar dos anos a perda óssea é cada vez maior e o corpo passa a não repor as quantidades no mesmo tempo que as perde.

Quem já passou dos 35 anos começa a perceber as mudanças que a falta de vitamina D fazem ao corpo, pois além dos ossos, é a vitamina responsável pelo bom humor.

Ela é fundamental para a produção de hormônios, melhora no sistema imunológico e também de neurotransmissores.

A cenoura é uma ótima fonte de vitamina D, mas dependendo do caso somente a suplementação será suficiente para a reposição.

Através de exame de sangue indicado por seu médico é possível identificar todas as deficiências de vitaminas.

3. Suplementação de fibras

Após os 35 anos, principalmente mulheres, acabam sofrendo com a prisão de ventre. Isso trás sérias consequências para o sistema digestivo, desencadeando outros problemas no restante do corpo.

A prisão de ventre é uma consequências de uma dieta pobre em fibras, mas este problema pode também estar ligado a outras causas. Portanto antes de ingerir a suplementação, o médico deve analisar se não há alguma doença.

Mas antes de partir para a suplementação é preciso verificar se a sua dieta tem a quantidade de fibras necessárias. Se mesmo assim a absorção natural não vem sendo suficiente, então é hora de ir ao nutricionista e buscar a suplementação.

Você não deve exagerar nas fibras para não sofrer com cólicas, gases e outras reações adversas à prisão de ventre.

Para quem chegou aos 35 um pouco acima do peso, a suplementação de fibras é boa na regularização da glicose, insulina e também a diminuir o colesterol ruim (LDL).

Top 5 aplicativos fitness de treinos gratuitos!

4. Suplementação de magnésio

Estar com a quantidade adequada de magnésio no organismo pode ajudar em relação a quadros de síndrome do pânico, ansiedade e depressão.

O magnésio para quem tem 35 anos ou mais é fundamental para o bem estar e uma boa noite de sono. Ele também tem ação direta na diminuição de dores de cabeça e outros problemas.

Porém para aliviar todos os sintomas que a falta de magnésio faz ao seu corpo, é preciso que a suplementação seja com base em avaliação médica, pois nem sempre a falta do mineral é realmente o fator principal destes sintomas.

5. Suplementação de glucosamina

A glucosamina é um aminossacarídeo, fundamental para a síntese bioquímica de lípidos e glicoproteínas. Ele é muito indicado para quem tem mais de 35 anos, pois contribui para o tratamento de dores nas articulações, artrite, artrose e outros problemas reumatológicos.

A partir dos 35 anos acordar com “dor” pode ser algo normal, mas é possível diminuir estes problemas nas articulações.

Mas é preciso antes de mais nada buscar auxílio médico para o tratamento de doenças nas articulações. Se o profissional prescrever que a suplementação de glucosamina é o mais indicado para o momento, então você pode incluí-lo na sua dieta balanceada.

Cardápio FITNESS de uma semana!

Anterior Cardápio FITNESS de uma semana
Proximo Omelete Light - Só 110 calorias

Sobre o autor

Wes
Wes 755 posts

Apenas um apaixonado por receitas, academia, mundo fitness, dietas e escrever :)

Veja todos os artigos deste autor →

Voce pode gostar tambem

Dicas para preparar uma gelatina turbinada para a saúde

A gelatina é uma das sobremesas que não pode faltar em sua mesa, principalmente nas versões Diet, onde continuam ricas em colágeno, mas contam com bem menos calorias do que… Leia mais

Cardápio FITNESS de uma semana

Você está procurando um cardápio fitness de uma semana que ajude a emagrecer, mas não encontrou nada na internet? Hoje estaremos apresentando uma sugestão de cardápio FIT de 7 dias,… Leia mais

Whey Protein faz mal para a saúde – Será?

O Whey Protein está presente em quase todas as receitas feitas por pessoas que frequentam academias, inclusive muitas de nossas receitas aqui do site contam com esse ingrediente que aumenta… Leia mais

0 Comentarios

Sem comentarios!

Voce pode ser o primeiro a comentar comente esta postagem!

Escreva uma resposta